Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Inédita no Brasil, a mostra ‘alô alô mundo! cinemas de invenção na geração 68’ propõe estabelecer um diálogo entre o Brasil e a Espanha, apresentando como recorte filmes realizados entre as décadas de 1970 e 1980, que tem em comum o fato de serem filmes de vanguarda e militância política e que trazem, em sua essência, práticas de ruptura e revolução. A mostra também conta com a realização de duas mesas de debates e duas oficinas.

Após realizar edições em Barcelona, Madri e Valencia, os curadores Paola Marugán, Marc Martínez estabeleceram uma parceria com a Giro Planejamento Cultural para a realização do projeto no Brasil.

A mostra foi realizada entre os dias 10 e 22 de janeiro de 2017, na Caixa Cultural do Rio de Janeiro e foi composta por 14 filmes brasileiros produzidos entre 1968 e 1982; e 13 filmes espanhóis realizados entre 1968 e 1981. Sendo assim, o ‘alô alô mundo!’ trouxe, para um mesmo cenário, éticas e estéticas de dois cinemas de vanguarda que traçaram uma série de conexões entre o Brasil e a Espanha.